quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Capitulo 13


Demi  assustou com o que ele disse pois foi muito baixo e rápido, mas ela ouviu perfeitamente. Apenas sorriu de canto e o  desfez rápido.
Demi: Joseph,...acho que você esta sendo precipitado de mais. Ham.... Tchau depois agente conversa. - saiu  do carro tão  depressa que ele não conseguiu dizer nada.

Coitado do Joseph, acabara de ficar muito confuso. Ela tinha dito  na praia que esperava esse beijo a muito tempo e depois foge dele. Viu que tinha alguma coisa a incomodando, mas não iria ficar em cima dela para que sentisse desconfortável. Iria ajuda-la na medida do possível e não ria desistir desse amor que sentia. Pelo menos não por enquanto.
Demi entrou em casa correndo, queria muito te ouvido o que ele disse, mas não era a hora certa. Ainda estava frágil com a perda do irmão e Joseph não era a  pessoa mais "querida" do irmão. Teria que lutar com esse sentimento se quisesse manter um pouco de respeito pelo Zac.

(...)
 Havia se passado duas semana  e nenhum dois dois tinham se visto, apesar de Joseph ter tentado falar com ela varias vezes. Uma delas  era quando ela estava atrás da porta e a campainha  urrava de tanto tocar, outra foi  a vez em que ela estava com as amigas e ela disseram a pedida da própria Demi ,que estava muito ocupada treinando e que não receberia ninguém. Mas hoje seria inevitalvel.

Era um grande dia, Demi resolvera sair de casa e continuar a vida. Estava a caminho da academia onde dava aula. Estacionou o carro, pegou as suas coisas no porta-malas e trancou-o.  Entrou na academia olhando a dentro da bolsa, pois procurava seu cartão para passar pela catraca e derrepente se bateu com alguém e acabou caindo no chão sentada. Sem olhar pra quem era pediu desculpas e foi catando as suas coisas que cairam no chão.
xx: Eu que tenho que te devo desculpas, não estava olhando para fente.

Ela gelou com a voz, pois não ouvia a muito tempo e achou que seria a ultima pessoa que veria aquele dia. Olhou para cima para encarar o dono da voz e a sua voz falhou.  Joseph estava tão lindo como da ultima vez. Cortara o cabelo comprido que usava, estava com uma blusa preta sem manga que deixava seus braços a mostra.

Joseph: Demi,você esta bem?
Demi: Ham... - desviou o olhar volando a realidade-  Sim, sim. Eu não tinha te visto.
Joseph: Deixa eu te ajudar. - estendeu a mão para ela se levantar. Quando ficou de pé estavam muito próximos.- Acho que precisamos conversar não acha?
Demi: Essa não é a melhor hora para isso Joseph.- já ia se desviar dele, masa segurou pelo braço.
Joseph: Porque foge de mim?
Demi: Não estou fugindo.- olhou para o chão.
Joseph: Então olha nos meus olhos e diga que não esta fugindo, que não esta  me evitando quando vou na sua casa,que não esta recusando as minhas ligações e que não tem motivo pra não olhar no meus olhos.- levantou o queixo dela delicadamente com as mãos.

Os olhos estavam marejados. Mas tinha força para dizer-lhe olhando  nos olhos dele.
Demi: Se eu disser isso... eu vo ta mentindo.
Joseph: Então Demi, para de fugir, você sabe o que sinto por você e fugir não ira afasta-lo de você. Ele sempre te acompanhara. Liberte esse sentimento que te prende.
Demi: Joseph, tenhu uma aula pra da.-  puxou o braço para se soltar.
Joseph: Tudo bem, não quer conversar agora não tem problema. Sua aula termina as 20:00hs e estarei te esprando aqui na frente para jantarmos. E nem adianta  negar. Te vejo mais tarde.- beijou a bochecha dela e saiu.
Demi iria contestar, mas ja tava na hora de parar de fugir dele.

                                                  ... Continua

O que ira acontecer hoje a noite?
=D
Esperem para ver.

3 comentários:

  1. AHHHHHHHHHHHH QUE PERFEITO! *.*
    To doida pra saber o que vai acontecer! rsrsrs
    Posta logo linda!
    Beijos*

    ResponderExcluir
  2. Gostando de ver que estás postando,isso ae amiga...
    Bjuus

    ResponderExcluir